PDF

Abusado

by Caco
Amazon Paypal
Book Details

Publication date:

Mar 2019

Publisher

Caco

Pages

120

ISBN

N/a...
About this book
SINOPSE 1 Para se entender toda essa violência urbana instalada no Rio de Janeiro, é necessário compreender como pensam e como agem os criminosos que impõem o terror na cidade. Abusado, livro-reportagem de Caco Barcellos, é uma verdadeira lição sobre a lógica, os meandros e o modus operandi das grandes corporações criminosas que comandam o tráfico de drogas e outras atividades criminosas no Estado. Através da história de Juliano VP (codinome de um conhecido traficante carioca) - sua infância, adolescência, entrada e ascensão no tráfico de drogas na favela Santa Marta (em Botafogo, bairro de classe média) -, temos um retrato histórico da ocupação do morro pelo Comando Vermelho, principal facção criminosa no Estado, e da implantação de sua cruel disciplina. (Record) SINOPSE 2 Reportagem investigativa romanceada, conta a história de “Juliano VP”, nome fictício de Márcio Amaro de Oliveira, o Marcinho VP, traficante criado na favela Santa Marta, Zona Sul do Rio de Janeiro, de sua relação precoce com o tráfico de drogas e da visão do Poeta, como era chamado, das questões sociais. Considerada uma das obras mais polêmicas do jornalista, Abusado mostra um lado até então desconhecido pela sociedade, o lado humano de bandidos e traficantes. Em relatos e depoimentos o emocional é revelado, mostrando infâncias conturbadas, a proximidade com o tráfico de drogas, a relação conflituosa com a polícia ou órgãos ligados ao governo e, principalmente, a história e a influência de organizações criminosas como Comando Vermelho e suas facções inimigas, Amigos dos Amigos e Terceiro Comando, na vida da comunidade. O livro levanta discussões éticas, morais e políticas nunca antes observadas desse ângulo, através de pessoas marginalizadas e excluídas socialmente que dificilmente são vistas ou ouvidas por jornais ou revistas. Caco Barcellos mergulha profundamente nas histórias e no cotidiano da comunidade, além de usar técnicas do jornalismo como entrevistas e pesquisa histórica. O livro é um romance sem maniqueísmo, não há mocinhos ou vilões, todos são retratados como seres humanos expostos a todo tipo de influências externas, principalmente as leis de sobrevivência. A obra não conta apenas a história de um personagem qualquer, mas reconstrói momentos vividos pelo Rio de Janeiro, entre tiroteios, fugas alucinantes e assassinatos. (Wiki) No livro, Marcinho recebe o pseudônimo de Juliano VP para não ser confundido com Márcio dos Santos Nepomuceno, outro traficante de apelido Marcinho VP, este do Complexo do Alemão, na Zona Norte do Rio.